Câncer: apropriação do que é próprio

Muitas vezes à revelia daquilo que aceitamos, em cada um de nós habitam desejos e sentires que simplesmente são ou ali estão. Somos constituídos por características e movidos por uma força que nos impulsiona para certas direções, que acolhe e que repele possibilidades e que nos fazer querer manifestar e desenvolver um movimento próprio. Essa […]

Leia mais…

Câncer: uma explosão de energia suprimida

Embora se pense que o câncer caracteriza um estado terminal, uma condição de limite do corpo, de falência da energia, para a Leitura Corporal o câncer está, na verdade, tentando reconstruir a Vida, restabelecer uma qualidade vibracional e de impulsão que leve o Indivíduo à escuta de si e à redescoberta do que lhe é […]

Leia mais…