Uma mensagem…

Movimento

“A cada instante são novos os tempos, são novos os momentos, são novas as fases e as descobertas.

No vivido estão os experimentos, as experiências, os aprendizados.

No viver, o aprender.

A vida é assim…

Tudo novo a toda hora. Tudo pronto para ser modificado, evoluído, transmutado.

Tanto é possível o movimento, quanto é possível a estagnação.

O movimento é natural. A estagnação, um esforço.

A escolha é pessoal.

Na vida, as relações.

A relação consigo, a relação com o meio.

No meio estão os da mesma espécie e plano, os de outras espécies, os de outros planos. No meio estão todos e estamos nós.

Da interação, a vida.

Da vida, a troca.

Da troca, o movimento.

Do movimento, a evolução.

Evoluir – princípio básico da Existência – significa experimentar sempre, significa evitar o evitar, significa relacionar, conhecer para inovar.

Da inovação, a transcendência.

Do transcender, o viver.

Se não for assim, não andamos.

E os caminhos são diversos…

E o caminhar, infinito…

A cada passo, criamos e constituímos cursos, escrevemos história, fazemos vida.

Isso é viver.

Se me for permitido um conselho: Viva! A vida precisa disso.