Psoríase: marginalização de si

Na visão da Leitura Corporal, a psoríase é uma representação, no Corpo Físico, das desordens de adequação experimentadas pelo Indivíduo.

A psoríase indica que, em algum ou mais contextos de sua vida, o Indivíduo se adequa excessivamente para evitar o sentimento de rejeição. Em verdade, ele se sente desintegrado, posto à parte, sem possibilidades de uma real integração. Mas para não entrar em uma condição de marginalizado, o Indivíduo se obriga a conviver com o que não quer, adequando-se ao outro em detrimento de si mesmo. Ele próprio se exclui para não ser excluído.

A psoríase ajuda a organizar a forma como Indivíduo se coloca nos contextos do qual participa. Sua manifestação favorece o colocar-se como parte integrante nos lugares onde se deseja estar, bem como o retirar-se daqueles com os quais não existe uma real identificação. É um impulso para que o Indivíduo participe com envolvimento.