Articulações: acessórios do Corpo Mental

Para a Leitura Corporal, o Corpo Mental é o plano da consciência onde se organizam as ideias, os pensamentos e as várias inteligências do Indivíduo. É nesse campo vibracional que as pulsões emanadas pelo SER – a instância que origina toda a Vida – são identificadas, nomeadas, entendidas e classificadas, possibilitando a transformação de impulsos sutis em propósitos conscientes.

Todas as articulações do Corpo Físico são acessórios do Corpo Mental. Cada qual com sua especificidade, as articulações trabalham avaliando, questionando e repensando os impulsos circulantes, com o intuito de canalizá-los de um jeito cada vez mais organizado e coerente com as propostas do Indivíduo.

Corpo Mental

A composição do Corpo Mental, e logo a saúde das articulações, são definidas pela qualidade dos pensamentos, intenções e motivações individuais. Quanto mais ativas e bem aproveitadas as funções desse campo, maior a plasticidade e a leveza do Corpo Físico. As diferentes qualidades de tensões físicas são descritoras de traduções inapropriadas, deturpações e/ou impedimentos para a manifestação dos impulsos originais do Ser.

As articulações ensinam que as verdades tendem a ser transitórias, e que variam segundo o observador e/ou o seu momento; que a forma como o Indivíduo interpreta seus conteúdos internos determina a qualidade de sua relação consigo e com os outros; e que os conceitos, enquanto instrumentos que ordenam a percepção e a experiência, devem ser ajustados e reescritos na mesma medida em que a Consciência, individual e coletiva, é expandida.